domingo, 4 de agosto de 2013

Dicas Para Viagens Internacionais

Dicas Para Viagens Internacionais

Não importa se é a primeira ou a décima viagem internacional porque sempre dá friozinho na barriga, quando o dia da viagem está chegando. Eu costumo ficar bem ansiosa quando está faltando uns 10 dias para a viagem! Fico sem dormir direito, perco apetite e  até a gastrite resolve atacar.

O motivo de tanto nervosismo e ansiedade é medo de algo dar errado. De perder o avião, da bagagem extraviar, de ficar perdida no aeroporto e muitos outros motivos. Eu fico esperando o dia do embarque, doida para fazer as malas e ir pegar o voo.

Como minha viagem será em Setembro, eu já estou com praticamente tudo pronto. Passagens, hotéis e transfers ok! Falta ainda fazer seguro viagem, trocar dinheiro, comprar roupas novas e decidir se vou para Guarulhos de ônibus ou de carro. Uma coisa é certa vou ficar  em um hotel perto do aeroporto esperando a hora de fazer o check in e não ficar no aeroporto cansando a beleza como das outras vezes.

Las Dicas 

* Checar a validade do passaporte. Alguns países exigem validade de pelo menos 03 meses. A maioria pede 06 meses de validade para permitir a entrada de estrangeiros

* Solicitar vistos de turismo para o país que irá visitar. Alguns países como Estados Unidos e  Canadá devido a grande procura, necessita requisitar o visto com muita antecedência.

* Verificar a necessidade de vacinas, como Febre Amarela por exemplo que precisa ser tomada pelo menos 10 dias antes de embarcar.Trocar a caderneta de vacinação nacional pela internacional nos postos na ANVISA nos aeroportos internacionais.

* Verificar a necessidade de receita médica para os remédios que costuma fazer uso. Em muitos países, até para comprar Aspirina precisa de receita.

* Fazer um seguro viagem para casos de emergências médicas e acidentes. Verificar qual é o valor mínimo exigido pelo país. A União Européia exige um seguro que tenha cobertura de no minimo 30.000,00 euros.

* Verificar qual é a idade legal para beber e ir a baladas no país que irá viajar. Alguns países não vendem bebidas alcoólicas para menores de 21 anos. Muitas casas noturnas só aceitam clientes que sejam maiores que 21 anos.

* Verificar o fuso horário do seu destino. Se sua viagem for no sentido oeste-leste, irá sofrer mais com os efeitos do Jet Leg. Em uma viagem para Turquia no verão por exemplo, onde a diferença é de 06 horas pode ser bem cansativo. Por isso tente dormir se for chegar ao seu destino de manhã. Se for desembarcar a noite, tente não dormir no avião.

* Use roupas e calçados confortáveis durante o voo e tente não usar tecidos que amassem muito, para não chegar capenga no destino e pagar mico na imigração. Para as mulheres o ideal é usar uma legging, com uma camisa ou camiseta mais comprida e calçar tênis, sapatilhas ou até mesmo uma bota. Deixe o salto alto para usar em um jantar, balada. No avião não é confortável.

* Faça as malas 02 ou 03 dias antes da viagem. Tente não levar muita coisa. Leve peças que não amassem, em cores neutras e que combinem entre si. Para cada calça, saia, short é interessante levar 02 tops que pode ser camisa, camiseta, regata, bata. Leve vestido, roupas de banho e algo mais chique para um jantar especial ou balada mais bacana.

* Leve uma troca de roupa e lingerie em sua bagagem de mão, para o caso de sua mala for extraviada, você poder trocar de roupa enquanto aguarda a localização e entrega de sua mala.

* Veja qual é a previsão do tempo para o destino que está a caminho, para não errar e passar frio ou calor. Chegar de uma viagem longa e ainda estar com roupas inadequadas para o clima local é UÓ!!!

* Leve uma casaco ou pashimina para usar durante o voo. Porque geralmente é muito frio devido ao ar condicionado gélido dentro das cabines de aeronaves. Uma meia quentinha e um travesseiro de pescoço também são bem-vindos.

* Leve algumas guloseimas como chocolates, barrinhas de cereais, snacks e balinhas para poder matar aquela fominha que aparece entre as refeições servidas.

* Chegue pelo menos 03 horas antes da hora do embarque, para poder fazer o check in tranquilamente. Se possível faça o check in online em casa, pois várias companhias tem guichês para passageiros que fizeram o check in , somente despachar as bagagens e entregar o cartão de embarque.

* Chegar cedo ajuda a não perder tanto tempo também na fila do Raio X e da imigração para fazer a saída do país. De quebra aproveite para curtir as lojas do Free Shop.

* Para facilitar a identificação da sua mala na esteira de bagagem, procure personalizar sua mala colocando fitas coloridas, adesivos e afins! Pois existem muitas parecidas e para ajudar encontrar  em meio tantas malas na esteira ainda evita que outros peguem sua mala por engano.

* Verificar qual é a franquia de bagagem da sua companhia aérea. Para voos intercontinentais, é permitido despachar até duas malas com 32 kg cada. Para voos na América do Sul, uma mala de até 23 kg. Para bagagem de mão geralmente é permitido uma mala de 5 ou 7 kg mais uma bolsa. Se o peso da bagagem exceder a franquia, terá que pagar multa por excesso de bagagem, e o valor é bem salgado. Uma dica para evitar isso, é pesar suas malas antes de ir para o aeroporto e ter que pagar multa ou tirar coisas da mala ali mesmo no balcão de check in.

* Não despache itens de valor como eletrônicos, jóias, relógios, dinheiro na mala que vai no porão da aeronave, pois as chances de ter sua bagagem violada, são grandes. Leve todos os pertences de valor na bagagem de mão e de preferência embale suas bagagens que serão despachadas, naquelas máquinas que vedam as malas com plástico nos aeroportos. As malas ficarão mais protegidas e com certeza vai dificultar a ação de ladrões que trabalham nas companhias disfarçados de funcionários. Use cadeados  com segredo para abertura para evitar a violação de suas malas.

* Para proteger o dinheiro em espécie, o ideal é usar aquelas pochetes de se usar por debaixo das roupas. Fica escondido e você poder cochilar, dormir e ir ao banheiro sem medo de ser furtado dentro da aeronave. Guarde cartões de crédito e débito em segurança também!

* Cuidado com estranhos e nunca e por nenhum motivo aceite carregar ou guardar mala e bolsas de estranhos. Pois a bagagem pode conter drogas ou itens proibido, roubados e você acabar entrando em uma fria por causa de algum estranho.

* Quando o avião pousar no destino e for sua primeira viagem para o exterior, siga o povo e as placas que indicam PassPort Control e Baggage Claim. Chegando na imigração entre na fila para Foreing e espere sua vez. Quando o oficial te chamar, entregue a ele o passaporte e alguns países precisa entregar um cartão que os comissários entregam durante o voo para preencher. Responda com calma apenas aquilo que o oficial te perguntar sem entrar em detalhes, a não ser que ele peça para detalhar.

* Depois da imigração siga as placas para pegar sua bagagem e passar pelo Raio X e você estará livre para conhecer seu destino e aproveitar as férias.

* Se estiver em  conexão basta seguir as placas que indicam a área de transito internacional. Na maioria das vezes em que voos tem conexões, durante o check in aqui no Brasil, a compahia vai te entregar 02 cartões de embarque. O primeiro para o voo saindo do Brasil e o segundo para ser usado no aeroporto de conexão.

* Em alguns casos como que está a caminho do Canada e tendo conexão dos Estados Unidos ou alguém que vai viajar para algum pais de Espaço Schengen. Neste casos a imigração é feita no aeroporto de conexão e depois é que são emitidos os cartões de embarque para o próximo voo. Qualquer dúvida entre em contato com companhia aérea.

* Muitas pessoas fazem confusão entre conexão e escala. Escala é quando um avião desce em um aeroporto e algumas pessoas embarcam e outras deixam o avião, mas os demais passageiros continuam na aeronave. Exemplo: Na minha primeira viagem ao Oriente Médio, eu fui de Turkish Airlines, que na epoca fazia escala em Dakkar no Senegal. Passageiros embarcaram e desembarcaram, mas a maioria permaneceu dentro da aeronave. Conexão é quando voce sai da aeronave e embarca em outra sem sair da área de transito. Exemplo: na mesma viagem acima, eu estava a caminho de Damasco na Síria, eu desembarquei, e 02 horas depois embarquei em outra aeronave para a Síria.

* As conexões sempre ocorrem no hub da companhia áerea. Exemplo: o hub da Turkish Airlines é o Aeroporto Internacional de Istambul, da Emirates o aeroporto de Dubai, da Qatar Airways é o aeroporto de Doha. Então as compahias centralizam as conexões em seus aeroportos sede, pois não é viavel ter voo diretos para todos os destinos saindo de todos os países em que operam.

* Se não conhece a cidade, é melhor pedir o serviço de transfer para o seu hotel. O funcionário estará de te esperando no desembarque com uma plaquinha com seu nome e sobrenome e te levará em segurança até seu hotel.

* Leve uma xerox do seu passaporte e deixe o original em segurança no cofre do hotel. Também não saia com todo seu dinheiro na rua, deixe guardado no cofre e leve somente o suficiente para passar o dia e uns trocados mais para o caso de um imprevisto.

* Leve sempre com você um guia  e ou um mapa da cidade. Não esqueça de ter sempre em mãos o endereço e telefone do hotel para o caso de uma emergência. Prefira taxi pegos em hotéis e restaurantes. De preferência use os taxi de uma cooperativa confiável.


Bem essas são as principais dicas para fazer uma viagem internacional em segurança e poder aproveitar bem a viagem !!!!
Reações:

2 comentários:

  1. Ótimas dicas! Tirou algumas dúvidas que eu tinha!
    Parabéns por todos os posts....
    Amo seu blog :D

    ResponderExcluir
  2. OLá Gabriela!

    Obrigada e seja bem-vinda!

    ResponderExcluir

Deixe seu comentário aqui!
Mensagens xenofóbicas ou contendo preconceito religioso não serão aprovadas!