quarta-feira, 16 de outubro de 2013

Diário de Viagem a Turquia 2013 - Mesquita Azul, Parque Gulhane e Kennedy Cadesi



Diário de Viagem à Turquia 2013 – Mesquita Azul, Parque Gulhane e Kennedy Cadesi

Antes de mais nada, gostaria de pedir desculpas pelo meu sumiço aqui do blog. Mas este post é para contar tudo o que aconteceu no terceiro dia em Istambul.  Neste dia caminhamos muito. Andamos tanto a pé, que cheguei a machucar meus pés e no final do dia mal conseguia caminhar. Foi preciso usar várias unidades de curativos Band-Aid para cobrir as feridas e bolhas que surgiram nos meus pés. Mas o passeio foi ótimo e valeu a pena todas as bolhas!!

Tomamos café rapidamente no hotel e pegamos o Tram na estação Beyazit e descemos em Gulhane.  Próximo à estação fica o parque de mesmo nome e também umas das entradas do Palácio Topkap e Museus Arqueológicos de Istambul.

As Atrações

Parque Gulhane – Sultanahmet
Na entrada do Parque Gulhane, paramos para comprar milho assado e fomos conhecer o parque que abriga o Museu de História da Ciência e Tecnologia Islâmica que não visitamos. Caminhamos até saída do parque próximo a avenida beira-mar. O parque é um local agradável, fresco e tranquilo. O ideal para fugir da agitação da multidão de turistas em Sultanahmet.





conexao oriente

Kennedy Cadesi

Atravessamos o Parque Gulhane e através de uma pontezinha sobre a linha férrea, alcançamos a avenida a beira mar conhecida como Kennedy Cadesi. Percorremos cerca de 1,200 km a pé embaixo de um sol  escaldante, mas a vista valia o sacrifício. Andamos até a Estação Cankurtaran e no caminho podemos ver as ruínas como o Palácio Bucaleone, o Farol e claro o lado asiático de Istambul, parte do lado europeu e também o mar de Mármara. Confesso que foi muito cansativo e que meus pés ficaram repletos de bolhas mas eu curti muito.

Na altura da Estação Cankurtaram atravessamos a movimentada avenida e subimos a colina em direção a Sultanahmet. Este pedaço é meio sinistro, pois parece um labirinto e cheguei a pensar que não conseguiria chegar a Sultanahmet. Nunca tinha passado por ali e fiquei com medo. Não recomendo passar por ali durante a noite. 






Pausa Para o Almoço

Assim que conseguimos sair do labirinto e chegar em Sultanahmet fomos para o restaurante Aya Sofia. Pedimos mix de grelhados, saladas e fritas. Para beber água com gás ou como os turcos falam "soda"! Gostei muito deste restaurante pois o atendimento é bom e o preço razoável. O restaurante fica em frente ao museu de mesmo nome, sem erro!
 Mesquita Azul

Infelizmente eu não aproveitei a visita a Mesquita azul como gostaria. Primeiro porque depois de caminhar pelo Parque Gulhane, Kennedy Cadesi e a ladeira do Cankurtaran, eu não tinha mais os pés. Tinha um negócio inchado, cheios de bolhas e machucados e que não cabiam no tênis. Segundo é que não conseguia dar um passo devido ao cansaço e calor.

A mesquita é muito bonita mas estava lotada de turistas, quente e o carpete estava com cheiro de chulé. Fiquei pouco tempo dentro da mesquita e não consegui tirar boas fotos. Vai ficar para a próxima viagem, que deve ocorrer no ano que vem!

Lembrando que a entrada é gratuita mas que durante os horários de oração, os turistas precisam sair para que os muçulmanos possam fazer suas orações em paz. Diferente da mesquita Omayad em Damasco, homens e mulheres ficam no mesmo espaço. Para entrar é preciso que mulheres cubram os cabelos com lenços. Quem está de roupa curta não entra, tipo shorts e mini-saias. Mas quem está de bermudas na altura dos joelhos entram. Para quem não deseja perder a viagem, eles emprestados panos para cobrir pernas e braços.







Pausa para o lanche

Paramos em um restaurante chamado Sultan Pub em Sultanahmet. O restaurante fica em frente ao Hipódromo de Constantinopla. O lugar é bonitinho e o mix de grelhados (fiquei viciada neste prato) é muito gostoso. Na verdade eu experimentei este prato em todos os restaurantes que comi. Também pedi uma pizza quatro queijos, que foi a pior escolha que fiz em Istambul em termos de comida. A pizza era simplismente horrível!
Seguimos então ladeira acima em direção ao nosso hotel em Beyazit para tomar banho e descansar. Também aproveitei para atualizar a Fan Page do Blog no Facebook. Essa pausa para o descanso durou cerca de 05 horas e foi necessária para recuperar as energias depois de um dia de passeio bem puxado.

O Jantar

Saímos do hotel por volta das 11:00 hs da noite e descemos a ladeira em direção a Sultanahmet e paramos no meio do caminho para jantar no Barbecue Restaurant, localizado em uma rua paralela a rua principal por onde passa o Tram. O endereço deste e de outros restaurantes eu vou colocar em um post especifiico sobre restaurantes em Istambul.

Para comer pedimos mix de grelhados (de novo), coxinhas de frango apimentadas, mix de nuts, alem de molho picante de tomate com hommus e  pão pita. Para beber cervejas Efes escura e água com gás. Também apreciamos um bom nargile

Espero que tenham gostado do post !
 

Reações:

0 comentários:

Postar um comentário

Deixe seu comentário aqui!
Mensagens xenofóbicas ou contendo preconceito religioso não serão aprovadas!